domingo, 17 de junho de 2018

Comemorando os 16 anos da AACS !!


Flagrante de lindo amanhecer !!!


E eu que acordo por volta das 5:30 hs da manhã, diariamente, para trabalhar .... me deparei com este lindo amanhecer !!

domingo, 27 de maio de 2018

FILE - Festival Internacional De Linguagem Eletrônica - CCBB - RJ

FILE Festival Internacional de Linguagem Eletrônica

E ainda, pra quem não foi, dá tempo de visitar esta interessante exposição no CCBB (Centro Cultural do Banco do Brasil) ..... até a segunda-feira da próxima semana, dia 06 de junho !!

Abaixo, sobre a mostra, disponível no site do CCBB-RJ::
"As novas tecnologias marcam as atuais dinâmicas de comportamento: com a possibilidade de compartilhar impressões de forma veloz, e em rede, as ideias se propagam e rapidamente rompem com padrões instaurados. A disruptividade é a inovação que vem através da quebra de dispositivos obsoletos, é o novo que surge de maneira abrupta. Pensando neste contexto, O FILE traz a mostra DISRUPTIVA, onde artistas nacionais e internacionais se reúnem em criações que compartilham o digital e o tecnológico. Como ocorre a criação artística em uma época disruptiva? Como as obras se comunicam com a sociedade contemporânea? A exposição pretende alavancar essas questões e instigar o público diante destas novas formas de ver, pensar e interagir com a arte e as mídias tecnológicas".

Eu recomendo !!
São dias muito difíceis .... não sei com vou chegar ao trabalho amanhã.
Com esta paralisação dos caminhoneiros, que já tem uma semana, tudo deixou de funcionar.
Não fosse só faltar os alimentos, que não chegam do campo à cidade, também não chega combustível e outros itens essenciais ao funcionamento de transportes e instituições.
Tenho carro ? 
SIM, tenho, mas não tenho combustível e nem lugar para estacionar  ...
Respeito os trabalhadores, a greve ...  mas se eu faltar, serei eu a prejudicada.
Vou ver o que posso fazer, já que não moro perto de trens nem de metrô ....
Allah me proteja !!

segunda-feira, 30 de abril de 2018

sábado, 31 de março de 2018

Hoje é dia de praia ....

Então, chegamos ao último dia do mês de março !!

O último mês do verão dá adeus presenteando os cariocas e seus visitantes com um belo dia de sol e calor.
Eu, que não sou boba nem nada, fui para a beira do mar.
Tenho o costume de jogar meus cabelos (cortados) nas águas correntes, do mar ou de cachoeira, e fui também para fazer isso, além de me refrescar.
Foi muito gostoso e as águas do Posto 12, do Recreio dos Bandeirantes, e da Praia da Macumba, estavam lotadas.
Muito picolé, muito refrigerante e cerveja, num dia de outono onde a temperatura chegou aos 33 ¹C.
Ps: na fotografia não aparece todo o povo, pois atravessei o outro lado da Pedra da Macumba, só para fazer meus "clics" !!


quarta-feira, 14 de fevereiro de 2018

Trilha da Cachoeira dos Primatas

E fui até a Cachoeira dos Primatas, depois de caminhar com o povo da AACS (Associação dos Amigos dos Caminhos de Santiago).
Então eu já havia subido até a Vista Chinesa e descido.
A Floresta da Tijuca é algo obrigatória aos aventureiros.
A trilha nova que fiz, não é tão difícil, mas tem uns momentos de "escalaminhada" nas raízes de árvore.
Uma trilha, praticamente virgem .... acho que foi a trilha mais crua, mais natural, que eu já fiz ... a mata é bem fechada e fiquei, algumas vezes, com a sensação de estar perdida.


Parece uma trilha pouco frequentada, e acredito que realmente seja.
A placa, que eu imaginava estar no início da trilha, como vi nas fotografias de um blog, já não estava mais lá.

  

Só havia sobrado o poste metálico.
Da Rua Pacheco Leão, entramos num condomínio .... sim , o acesso à trilha é por dentro de um condomínio, com controle de entrada e saída de carros (podemos estacionar lá dentro).


A rua principal e de referência é a Sara Vilela .... no final dela tem um larguinho, como um estacionamento. 
A subida da trilha é uma entrada, na mata, pela direita.
Tem logo uma grande rocha, na entrada.
Aliás, destaco, no caminho, uma grande rocha que parece ter sido atingida por um raio.
Vamos caminhando e encontramos um córrego, com um cano de metal, ao longo dele, elemento que devemos transpassar e seguir, subindo, para a esquerda.
Num larguinho, acima, junto a outra grande rocha, o caminho bifurca ... e seguimos para a direita, como quem vai seguir a trilha para o Morro do Corcovado.
Aliás, esta trilha é parte da Transcarioca (180 km) ...
Se seguir para a esquerda, encontraremos a Cachoeira da Gruta e a do Jequitibá.
Acredito que, no total, e à partir do estacionamento, leva-se uns 30 minutos até a Cachoeira dos Primatas.
A atração se divide em duas etapas .... a primeira queda d'água forma uma piscina natural, com água até os joelhos.
Um cantinho lindo, até mais bonito (para mim) do que o local da queda d'água principal, a Cachoeira dos Primatas.
Fiz muito belas fotografias ali.
Mas a cachoeira principal está logo ali acima, uns 5 minutos, seguindo pela direita.

E chegamos lá ... um grande largo rochoso, e sem água acumulada.
Sim, a Cachoeira dos Primatas não forma piscina .... é uma queda d'água sobre a rocha (bem escorregadia, por sinal) como um generoso chuveiro.
Por algum tempo, fiquei por ali, sozinha.
Não havia muita gente caminhando, por aqui, hoje.
As águas pertencem ao Rio Algodão, que lá embaixo, alimenta também a Lagoa Rodrigo de Freitas.
Um bom banho de cachoeira, depois de subir a Vista Chinesa, e a própria trilha da Cachoeira dos Primatas.
Valeu muito à pena.






Foi minha primeira vez nesta trilha.
Estive aqui em fevereiro de 2018.